December 19, 2019

Novo estudo global associa depressão e suicídio à poluição do ar

Novo estudo global associa depressão e suicídio à poluição do ar

Um novo estudo global, liderado pela pesquisadora Isobel Braithwaite, da University College London, e publicado no jornal Environmental Health Perspectives, associa altas taxas de poluição do ar a um aumento nos casos de depressão e suicídio. Estudos anteriores já haviam traçado paralelos entre poluição e demência e diminuição da inteligência, assim como a danos a órgãos e a células do corpo.

A pesquisa analisou dados de 16 países em diferentes continentes. Segundo a Organização Mundial da Saúde, mais de 264 milhões de pessoas sofrem com depressão no mundo hoje. O tipo de poluição analisada no estudo foi a gerada pela queima de combustíveis fósseis, de carros, da indústria, e de casas.

"Nós mostramos que a poluição do ar pode estar causando dano substancial à nossa saúde mental, fazendo a limpeza do ar que respiramos ainda mais urgente", diz Isobel.

Leia mais.

Foto por veeterzy no Unsplash