Futuro da educação? Site de ensino online Coursera agora é avaliado em US$ 800 milhões


O futuro da educação parece ser online. Fundada em 2012, a plataforma Coursera é hoje uma das líderes no segmento, com cerca de 26 milhões de usuários registrados, e mais de 2.000 cursos divididos em 180 especializações, oferecidas por 150 universidades parceiras, entre elas as americanas Yale, Princeton e Stanford. No diretório do site, é possível encontrar os mais variados cursos, desde um sobre pintura abstrata no pós-guerra até aulas sobre empreendedorismo, ciência da computação, música, engenharia e ciências biológicas.

Agora, como parte de sua estratégia de expansão, a empresa anunciou ter recebido 64 milhões de dólares em uma rodada de investimentos, fazendo sua avaliação subir para cerca de US$ 800 milhões. A notícia foi divulgada com exclusividade pelo site TechCrunch.

Segundo Rick Levin, ex-presidente de Yale e atual CEO da Coursera, o dinheiro será usado para acelerar o avanço da empresa em três áreas: desenvolvimento de novas tecnologias, como inteligência artificial, para melhorar a experiência de aprendizado; ampliar a oferta de graduações completas, para além dos cursos mais curtos; e focar na criação de conteúdo educativo e treinamentos em parceria com ONGs e empresas associadas.

A lista de fundos que participaram da mais recente rodada de investimentos inclui o GSV Asset Management, o New Entrerprise Associates (NEA), o Kleiner Perkins Caufield Byers (KPCB) e o Learn Capital, que já haviam feito injeções anteriores de capital. A Lampert Foundation também participou desta vez.

"Estamos empolgados em ver a Coursera emergir como 'a' plataforma de aprendizado mundial, com uma base global de alunos engajados e conteúdo educativo de universidades e companhias líderes", disse Michael Moe, fundador e CEO do GSV Asset Management ao TechCrunch. "Em um mercado de trabalho global e uma economia baseada no conhecimento, a educação faz a diferença não apenas para um indivíduo, mas para companhias também, e até países."

A Universidade de São Paulo (USP) é uma das instituições que possuem cursos no diretório da Coursera. Um deles introduz o aluno às bases da criação de um negócio inovador. Para a lista completa, acesse o site da plataforma.

Fonte: TechCrunch